O que é o capitalismo de vigilância? - ep #7
20/07/2020

No episódio de hoje recebemos Norberto Knebel, para falar sobre o Capitalismo de Vigilância. Shoshana Zuboff define o termo Capitalismo de Vigilância como um novo gênero de capitalismo, onde a acumulação de dados de vigilância são monetizadas. Norberto recentemente publicou o artigo “O titular de dados com o sujeito de direito no capitalismo de vigilância e mercantilização dos dados na Lei Geral de Proteção de Dados”, onde conclui que a LGPD (lei geral de proteção de dados) nada mais é do que a efetivação legal do Capitalismo de Vigilância.

Olá, eu sou o Jaydson Gomes e este é o Capitalistas de Merda.
No episódio de hoje recebemos Norberto Knebel para falar sobre o Capitalismo de Vigilância.
Shoshana Zuboff define o termo Capitalismo de Vigilância como um novo gênero de capitalismo, onde a acumulação de dados de vigilância são monetizadas.
Norberto recentemente publicou o artigo “O titular de dados com o sujeito de direito no capitalismo de vigilância e mercantilização dos dados na Lei Geral de Proteção de Dados” onde conclui que a LGPD (lei geral de proteção de dados) nada mais é do que a efetivação legal do Capitalismo de Vigilância.

A história do capitalismo é assim. Tudo que é produzido tem o seu iFood no meio do caminho, que não serve para nada - Norberto Knebel

Alguns dos tópicos abordados:

  • Já é difícil ir “contra” o Capitalismo, como podemos ir contra o Capitalismo de vigilância?
  • Quais ações no mundo estão sendo tomadas para combater? Uma nova internet? Descentralização?
  • Já fomos doutrinados a querer a conveniência e em troca dar todo o tipo de informação, que na maioria das vezes nem sabemos quais são e nem sabemos o que é derivado e nem quais produtos são criados
  • LGPD e regulações no mundo

Algumas frases de Shoshana Zuboff que definem o Capitalimo de vigilância:

“Uma nova ordem econômica que reivindica a experiência humana como matéria-prima gratuita para práticas comerciais ocultas de extração, previsão e vendas” - Shoshana Zuboff

“Uma lógica econômica parasitária na qual a produção de bens e serviços está subordinada a uma nova arquitetura global de modificação comportamental” - Shoshana Zuboff

“Uma mutação desonesta do capitalismo marcada por concentrações de riqueza, conhecimento e poder sem precedentes na história humana” - Shoshana Zuboff

“O capitalismo de vigilância é um novo ator na história, original e sui generis. É de sua própria espécie e diferente de qualquer outra coisa: um novo planeta distinto com sua própria física de tempo e espaço, suas sessenta e sete horas por dia, céu esmeralda, montanhas invertidas e água seca” - Shoshana Zuboff

Em vídeo

Para quem gosta de consumir o conteúdo em vídeo, segue abaixo. E ah, se inscreve lá no canal do Capitalistas de Merda no YouTube!

Citações

“O titular de dados com o sujeito de direito no capitalismo de vigilância e mercantilização dos dados na Lei Geral de Proteção de Dados”
The Age of Surveillance Capitalism: The Fight for a Human Future at the New Frontier of Power

Dicas

Da 5 Bloods
Unsolved Misteries

Créditos

Música de abertura: Capitalistas de Merda, Jaydson Gomes


Hosts

Jaydson Gomes

Jaydson Gomes

Jaydson Gomes atua na área da tecnologia desde o início dos anos 2000. Antes disso, seu contato com computadores só era possível quando visitava seus primos, que já possuíam acesso à tecnologia. Somente por volta dos 16 ou 17 anos é que teve seu primeiro computador, um AMD K6 II 500Mhz com overclock. Sua primeira interação com o mercado da tecnologia foi em seu primeiro emprego, em uma loja de informática de um amigo, onde aprendeu a montar e consertar computadores.


Participantes deste episódio

Norberto Knebel

Norberto Knebel

Doutorando em Direito no Programa de Pós-Graduação em Direito Humanos da Unijuí-RS, na linha de pesquisa “Democracia, Direitos Humanos e Desenvolvimento”, com bolsa CAPES/PROSUP.
Mestre em Direito pela Universidade La Salle - Canoas/RS com bolsa integral CAPES/PROSUP.
Especialista em Direito Penal e Processo Penal (IMED). Especialista em Direito Ambiental (FMU).
Advogado. Pesquisador do Grupo de Pesquisas Teorias Sociais do Direito da Universidade La Salle.

Jorge Acosta

Jorge Acosta

Mestre em Direito e Sociedade pelo Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade La Salle (2017).
Pesquisador do Grupo de Pesquisa Teorias Sociais do Direito e Pluralismo Jurídico e Direitos Humanos: diálogos culturais transfronteiriços, ambos vinculados ao programa de mestrado em Direito da Universidade La Salle - RS. Formação complementar: Tecnopolítica y Ciudanía Digital pelo Consejo Latino-Americano de Ciencias Sociales - Argentina (CLACSO - 2018); Curso Teatro do Oprimido - Teatro de Fato (ONGSS - 2019)